CRESCIMENTO DE PELOS

O que pode causar o hirsutismo? 

Hirsutismo é o termo médico utilizado para excesso de pelos nas mulheres. Esses pelos, por definição, são escuros e grossos e crescem em lugares onde normalmente só crescem em homens, incluindo a região do bigode, queixo, face, tórax, costas e região superior do abdome. Muitas mulheres tem maior quantidade de pelos corporais sem constituir necessariamente um problema de saúde, devido a uma predisposição genética familiar. Outras podem desenvolver o problema porque passam a produzir excesso de hormônios masculinos (conhecidos como andrógenos, sendo a testosterona o mais importante deles). A causa mais comum de excesso de andrógenos em mulheres é a chamada síndrome dos ovários policísticos. Esta condição também causa atraso ou interrupção da menstruação, ganho de peso, acne, dentre outros.

Mulheres que sofrem por excesso de pelos no corpo podem recorrer ao tratamento. Qual seria? 

O tratamento depende da causa do hirsutismo e do grau de gravidade do mesmo. Mulheres diagnosticadas com síndrome de ovários policísticos, caso estejam com sobrepeso ou obesidade, se beneficiam da perda de peso. Pílulas anticoncepcionais e outros medicamentos contendo substâncias que bloqueiam a ação dos hormônios masculinos também são comumente empregados nesses casos. Uma série de tratamentos estéticos/cosméticos realizados por um dermatologista também podem ser empregados visando melhora do problema, tais como: depilação química, mecânica ou a laser, branqueamento dos pelos, uso de cremes que retardam o crescimento de pelos no rosto, e o uso de um procedimento conhecido como eletrólise.

Mais artigos

Hipoglicemia

Como é possível perceber que um diabético está com hipoglicemia? De um modo geral, os sintomas de uma hipoglicemia (queda do açúcar no sangue) são

Diabetes e o consumo de açúcar

1- Por que um diabético não deve comer açúcar? Todos os tipos de açúcar devem estar fora da dieta dos diabéticos? A sacarose, também conhecida

SÍNDROME DE CUSHING

O que é Sindrome de Cushing, quais os sintomas e como é causada a doença? A Síndrome de Cushing é um conjunto de sinais e

FEOCROMOCITOMA

Tumores produtores de substâncias chamadas catecolaminas Feocromocitomas são tumores produtores de substâncias chamadas catecolaminas (i.e., adrenalina, noradrenalina, dopamina) que se originam na medula adrenal (porção

Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp